O Brasil bateu um novo recorde de mortes de covid-19 nesta terça-feira (30/3), com 3.668 óbitos registrados nas últimas 24 horas, a maior quantidade observada em toda a pandemia, chegando a 317.646 vítimas perdidas pela doença. Também foram registrados 84,5 mil novos casos, chegando ao acumulado de 12,6 milhões de infectados.

O país tem visto uma escalada no número de óbitos e casos da doença desde o final de fevereiro, na semana epidemiológica 8 (21 a 27 de fevereiro), após as festas de fim de ano. O número de mortes diárias ultrapassa os 3 mil, marca atingida pela primeira vez no dia 23 de março. A última semana epidemiológica (do dia 21 de março até o último sábado) terminou com 17.798 óbitos, a mais letal durante toda a pandemia.

São Paulo também bateu o recorde diário de óbitos pela doença, com 1.209 registros. O estado é o com a maior quantidade de mortes e casos de covid-19, com o acumulado de 73,5 mil e 2,4 milhões, respectivamente.

CORREIO BRAZILIENSE