WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

localizacao

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  
blog antigo

:: ‘GOVERNO FEDERAL’

ITIÚBA FICA DESERTA APÓS A 1ª NOITE DO TOQUE DE RECOLHER

As ruas de Itiúba ficaram vazias em plena noite de sexta – feira, 19 de fevereiro de 2021, após o inicio do Toque de Recolher, às 22 horas.

Mesmo com o baixo número de casos ativos e um decreto municipal que autorizou a abertura de bares e restaurantes, o município também teve que aderir ao decreto Estadual que entrou em vigor nesta sexta – feira.

Segundo o Governador Rui Costa, a medida foi tomada após  a ocupação em 77% do número de leitos de UTIs no Estado e tem por objetivo conter o aumento de casos e mortes pelo Covid – 19. O Decreto é valido até o dia 25 de fevereiro.

Cidade em Notícias

 

Itiúba: Policia realiza fechamento de bares e outros estabelecimentos comerciais

IMG-20201224-WA0113

O Cap Samuel, Cmt.  da 2 CIA, no dia 23/12/20, realizou fechamento de bares e outros estabelecimentos comercias, com devidas orientações  em decorrência do Decreto Municipal e Estadual para o controle e combate ao covid 19.

6º BPM

Polícia do Rio intima Bonner e Renata após censura no caso das ‘rachadinhas’

IMAGEM_NOTICIA_5

A Polícia Civil do Rio intimou William Bonner e Renata Vasconcellos, apresentadores do Jornal Nacional (TV Globo), a depor por suposto crime de desobediência a uma decisão judicial relacionada a publicações que envolvem a investigação das “rachadinhas” no então gabinete de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio.

Procurada, a TV Globo informou que não se manifesta sobre procedimentos legais em curso.

A emissora foi proibida judicialmente de publicar informações sigilosas sobre o caso, que envolve o senador Flávio (Republicanos-RJ), filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), e o ex-assessor dele Fabrício Queiroz.

Os depoimentos de Bonner e Renata foram pedidos no contexto de investigação policial sobre suposta “desobediência a decisão judicial sobre perda ou suspensão de direito”.

Os mandados de intimação, feitos pelo delegado Pablo Dacosta Sartori e obtidos pela reportagem, foram emitidos na tarde de quarta-feira (2).

A Globo ficou impedida em setembro de publicar reportagens que mostrassem documentos sigilosos sobre Flávio Bolsonaro por decisão de Cristina Feijó, juíza da 33ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, que atendeu a pedido feito pelo senador por meio de seus advogados, Rodrigo Roca e Luciana Pires.

Na ocasião, a Globo afirmou que a decisão judicial é um cerceamento à liberdade de informar, uma vez que a investigação é de interesse de toda a sociedade.

Bahia Notícias

camandaroba restaurante

bar lagoa azul



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia